Famosos Que Você Nunca Imaginou Que Fossem GAYS

Cada pessoa tem o direito de viver sua vida como bem entender. Tem também o direito de se apaixonar por quem seu coração escolher, não importando, idade, cor, religião e sexo.

Sabemos que é fácil dizer isso, mas muitas vezes difícil encontrar na prática. Ainda que as luzes dos holofotes estejam constantemente sobre eles, os famosos tentam manter suas vidas o mais privado possível.

Mas, apesar de muitos esforços, alguns não conseguem alcançar este objetivo. Os olhos do mundo se voltam para as preferências íntimas de algumas celebridades, com dezenas de paparazzi seguindo implacavelmente a vítima do dia.

Algumas celebridades vivem em constante estado de alerta, calculando cada passo, sem a liberdade de poder sair pelas ruas e não ser incomodadas. Elas têm que calcular seus movimentos dia e noite. Isso, às vezes é uma prisão!

O preço da fama é muito alto. Os famosos aprendem desde cedo que devem manter seus segredos bem ocultos do olhar público. Às vezes, isso significa a repressão dos seus sentimentos. Uma forma amarga de viver a vida em negação.

O mundo, de um modo geral, é muito curioso sobre a vida íntima das pessoas públicas. É uma espécie de projeção da incompetência pessoal que alimenta esta curiosidade. Todos querem saber dos amores das grandes estrelas, sobretudo dos amores proibidos.

Neste vídeo encontramos uma sequência de fatos que explicam as decisões de muita gente famosa. Afinal, que diferença fez na vida de alguém, saber se determinada pessoa é gay ou não é gay?

Mas, como o mundo é curioso, nós colecionamos aqui algumas pessoas famosas que tomaram a decisão de contar ao mundo aquilo que o mundo quer saber, sem saber por que quer saber.

Em toda esta história de tendências, preferências, comportamentos, decisões e críticas por muitas pessoas, uma coisa é comum. Nós somos iguais, mas temos diferenças. Essas diferenças é que enriquecem o ser humano.

Eu posso imaginar o alívio e o bem estar que algumas decisões representam para as pessoas. Uma vida sem liberdade é uma prisão interna muito grande. A pressão é insustentável. Afinal, de quem é a vida?

Assista ao vídeo e conheça as pessoas que tomaram decisões importantes e assumiram para o mundo seus desejos mais íntimos. As decisões alimentaram a curiosidade das pessoas que se preocupam com a vida dos outros.

Eu sou pela igualdade, mas viva a diferença!

Leave a Reply